Conheça a simples técnica de marketing que pode salvar sua empresa

Uma boa estratégia de produção de conteúdo qualificado pode alavancar os resultados de seu negócio

Você sabe o que é inbound marketing? Hoje, o mundo do marketing prefere um modelo mais parecido com o da Netflix, ou seja, algo que direcione o conteúdo certo para o público certo. Com isso, gerará mais vendas sem a inserção de publicidade.

É mais ou menos assim que o inbound marketing – um termo que ganhou notoriedade no mundo das empresas nos últimos anos – funciona. Por meio de produção de conteúdo relevante e de relacionamento com o consumidor, um negócio que consegue atrair seus clientes e gerar vendas mais qualificadas de seus produtos e serviços.

Segundo a Startup Resultados Digitais, 93% das compras efetuadas em ambiente online começam com uma simples pesquisa em buscadores. Além disso, 80% dos consumidores preferem buscar informações sobre um determinado produto em um artigo completo do que em um anúncio publicitário. O lado bom disso tudo é que agora, as pequenas e médias empresas conseguem fazer um marketing tão eficiente quanto as gigantes, já que a regra é ser relevante e não pagar anúncios vultosos em grandes canais de mídia.

A base do inbound marketing

Você precisa saber o que seu público-alvo deseja. Depois de descobrir interesses, sua empresa deve produzir informações que façam sentido com tais buscas – e o post deve ser tão bem executado que atraia vários potenciais clientes. Um exemplo prático do inbound em ação são os blogs: eles produzem postagens relevantes para seu público-alvo, gerando vendas por meio de um modelo que integra conteúdo e publicidade.

Mas vamos lá, separamos alguns passos para você, com sua Startup, aproveitar essa estratégia:

1. Esqueça as propagandas

Não pense que seus posts são propagandas. “Não corte o conteúdo para falar ‘compre da minha empresa’ ou algo parecido. Seu negócio irá vender como consequência de seu conteúdo ser relevante”, explica Vitor Peçanha, co-fundador da Rock Content.

2. Sem mentiras

Tenha compromisso com seu público-alvo e entregue o que promete em seus títulos e chamadas de busca. “Se a cada etapa, da leitura até a compra, o usuário não receber exatamente o que está procurando, o funil de vendas do inbound marketing é quebrado”, afirma Fortes, da Novos Elementos. “Não adianta você anunciar algo e, quando o cliente entra, ver outra coisa. Há até ferramentas no Google que coíbem esse tipo de anúncio.”

3. Compromisso com as publicações

“Cada post atrai uma parcela do seu público-alvo. Cobrindo mais temas do universo do seu mercado, suas possibilidades de venda aumentam. Pense em sua marca como uma editora.”, recomenda Peçanha.

4. Conteúdos duradouros

Aposte em informações que não percam valor ao longo do tempo – um tipo de conteúdo chamado de evergreen. Ou seja, que possa ser relevante a qualquer momento e que as pessoas possas pesquisar seu post independentemente do noticiário.

5. Atenção com as métricas

A técnica do inboud vai além de um simples “marketing de conteúdo”, pois uma parte igualmente essencial é a medição dos resultados em termos de receita para sua empresa. “Muita gente esquece da parte de ter uma metodologia para transformar toda essa audiência em vendas. Acompanhe todas as métricas: visitas globais, visitas de cada post e, principalmente, quanto é vendido a cada mil visitas”, conclui Peçanha.

Portanto, a técnica do inboud marketing não envolve grandes custos, por isso é possível incrementar seus resultados durante a recessão econômica. Você só precisa fazer bom uso dessa estratégia!

Fonte: Revista Exame

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2020 por Ser Mídia Comunicação e Marketing

Av. Presidente Kennedy, 2511 - Água Verde | Curitiba/PR . WhatsApp: 41 99918-0045